REGULAGEM PERIÓDICA DA SUSPENSÃO GARANTE A SEGURANÇA

 

A performance de um carro vai muito além da potência e do torque, alguns motoristas desconhecem a real função da suspensão do veículo. O objetivo da suspensão em um carro é absorver as vibrações e choques das rodas, proporcionando um conforto aos motoristas e passageiros.

A suspensão também é responsável por garantir o contato das rodas com o solo, principalmente em curvas. Um item importantíssimo que dá estabilidade ao veículo.

O uso da suspensão correta prolonga a vida útil dos pneus e os principais vilões para o desalinhamento do veículo que são os quebra-molas.

Para manter o bom funcionamento do sistema de suspensão, também é necessário fazer as manutenções preventivas, seguindo a orientação do fabricante. É recomendado também que se leve ao mecânico sempre que perceber ruídos estranhos.

Confira abaixo os principais itens relacionados a uma suspensão de carro e a função que cada um desempenha:

  • Barra estabilizadora

É responsável por ligar as barras da suspensão, que existe em cada lado do veículo. Oferece também estabilidade em alta velocidade e em curvas. Você pode observar se há algum problema quando sentir falta de estabilidade no carro ou ruídos na suspensão.

  • Mola

Por ser bem flexível aos impactos, a mola pode ter uma das principais funções no sistema de amortecimento do veículo. É indispensável que a manutenção desta peça esteja sempre em dia, o desgaste excessivo da mola pode provocar ruídos na suspensão e comprometer o veículo e a segurança de seus ocupantes.

  • Amortecedor

Também desempenha um papel muito importante na suspensão, ele é responsável por reduzir o impacto com o solo numa via irregular, através da mola. Alguns ruídos podem indicar que ele está gasto, podendo acarretar em desgastes mais rápidos dos pneus.

O ideal é fazer a geometria de suspensão a cada 10 mil quilômetros.

E você, já revisou a suspensão do seu carro? Fique atento a todos os ruídos! Acompanhe o blog para saber mais!